Patos-PB, 15 de Dezembro de 2017

Funcionário público é assassinado a golpes de faca no Bairro Jatobá, em Patos

24, Nov 2017

O ajudante de pedreiro Geraldo Martins Xavier, 36 anos, conhecido por Dadinha, residente no Bairro Jatobá, em Patos, funcionário público da Prefeitura Municipal de Patos, foi assassinado com golpes de faca na noite desta quinta-feira, dia 23, por volta das 19h00.

O homicídio aconteceu nas imediações do Pronto Atendimento Maria Marques, Bairro Jatobá, e tem como principal suspeito um sobrinho da própria vítima, conhecido por Leonardo Martins Gomes, de 24 anos, morador do Sítio Tubarão, Município de São José do Bonfim. O crime pode ter sido passional, pois relatos dão conta de que Geraldo estava com um relacionamento com uma mulher que

 também estava se relacionando com este mesmo sobrinho.

 

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) haviam acabado de atender a mulher que pode ter sido o pivô do desentendimento entre os dois homens. O SAMU estava em atendendo à mulher e depois a levou até o Pronto Atendimento Maria Marques. Assim que a equipe chegou ao Pronto Atendimento, a vítima fatal chegou dizendo que estava ferido gravemente.

Geraldo Martins sofreu um golpe profundo nas proximidades do pescoço que sangrava bastante. Um corte no braço também foi identificado. Ele ainda chegou a se comunicar com os funcionários 

do SAMU, porém, começou a desfalecer sendo socorrido com os primeiros procedimentos ao caso. A equipe do SAMU pediu apoio de uma ambulância do tipo Unidade de Terapia Intensiva.

 

Funcionários do Pronto Atendimento fecharam as portas do órgão, pois as informações eram de que o agressor estava nas imediações e poderia adentrar ao local. A polícia Militar foi acionada e duas guarnições fizeram a segurança e colheram os primeiros relatos sobre o caso. Vários curiosos se aglomeraram na porta do PA Maria Marques.

Apesar dos esforços das equipes do SAMU e do Pronto Atendimento, Geraldo Martins não resistiu ao ferimento e veio a óbito minutos depois. A Polícia Militar realizou diligencias para localizar o principal suspeito, porém, até o fechamento desta matéria, ninguém foi preso.

 

 

Jozivan Antero – Patosonline.com

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhe